PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL
Ano difícil, mas repleto de conquistas


ENTREVISTA
Peter Singer falou ao JC no VI Congresso Mundial de Bioética


ARTIGOS
Isac Jorge Filho e Elizabete Franco escrevem sobre Terapia Nutricional e Crianças com HIV


REPÚDIO
Unoeste: entidades médicas repudiam aumento de vagas


DIRETRIZES
Especialidades Médicas: 100 novas diretrizes


BALANÇO CREMESP
Retrospectiva 2002: realizações e objetivos alcançados


ATUALIZAÇÃO
Hamer Nastasy Palhares Alves escreve sobre o médico dependente químico


GERAL 1
Destaque para aprovação de Projeto que define o Ato Médico


CREMESP
Veja debate em plenária sobre o Programa de Saúde da Família


AGENDA
Confira os eventos que contaram com a participação do Cremesp


NOTAS
Destaque para a inauguração da nova sede do Setor de Planejamento em Saúde/UNIFESP


GERAL 2
Cartões de Desconto: confira resolução do CFM nº 1649/2002 sobre o assunto


MEMÓRIA
VII Congresso Brasileiro de História da Medicina


GALERIA DE FOTOS



Edição 184 - 12/2002

CREMESP

Veja debate em plenária sobre o Programa de Saúde da Família


De olho no site

Fazendo uma retrospectiva das inovações desenvolvidas para o site do Cremesp (http://www.cremesp.org.br) durante este ano de 2002, o Conselho teve suas expectativas, otimistas, confirmadas: o número de usuários que acessou o site em janeiro estava ao redor de 7.565 e em novembro (último mês completo antes do fechamento desta edição) as visitas praticamente dobraram, chegando a 15.131 acessos.

Entre os novos serviços, inaugurados durante este ano e que mais agradaram aos visitantes, os destaques especiais ficaram com:

- Guia Médico, que possibilita a procura e o acesso dos dados cadastrais dos médicos registrados neste Conselho, quando autorizados para divulgação;
- pesquisa por Especialidades Reconhecidas pelo Conselho Federal de Medicina e suas respectivas áreas de atuação;
- as versões para web, disponíveis na íntegra, das mais recentes publicações editadas pelo Conselho: Ética em Ginecologia e Obstetrícia, Manual de Orientação ao Anestesiologista, Ética em Publicidade Médica e Usuários de Substâncias Psicoativas – Abordagem, Diagnóstico e Tratamento, incluindo o Jornal do Cremesp (edições mensais) e a revista Ser Médico (edições trimestrais);
- Mercado de Trabalho Médico, que oferece oportunidades a profissionais médicos e empresas de saúde para divulgarem suas ofertas de trabalho;
- Legislação: com resoluções e portarias disponibilizadas on line no mesmo dia de suas publicações no Diário Oficial da União;
- Notícias de Saúde de interesse para a classe médica, com informações atualizadas e redigidas diariamente a partir dos mais importantes canais especializados, incluindo principais periódicos nacionais e internacionais;
- Agenda de Congressos e Eventos Científicos: fonte de informação sobre cursos e eventos, classificados por especialidade.

Mais importante do que a reestruturação do site e a implantação de novos serviços e informações ao longo deste ano, foi a possibilidade de o Conselho manter um canal aberto aos profissionais médicos, que opinaram, sugeriram, criticaram e contribuíram, diretamente, para que o Cremesp pudesse superar suas expectativas também quanto ao melhor atendimento via internet.

O Cremesp espera contar com todos para que em 2003 possa implantar ainda mais novidades que facilitem o acesso ao site. Continue comunicando-se com este Conselho no endereço eletrônico:
http://www.cremesp.org.br/sugestao


Plenária debate o Saúde da Família

Apesar de enfrentar alguns problemas em sua efetivação, os programas de Saúde da Família foram bastante defendidos por especialistas e autoridades que participaram de debate sobre suas diversas modalidades, durante plenária dos conselheiros do Cremesp, no dia 3 de dezembro. Participaram como convidados e palestrantes os especialistas e autoridades: Irmã Monique Bourget, coordenadora do Programa Qualis-Itaquera; Karina Batista, da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo; Rosecler Lorenzo, da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e o secretário de Saúde de Campinas, Gastão Wagner de Souza Campos.

Os problemas mais citados foram: reconhecimento da especialidade, necessidade de capacitação dos profissionais, omissão do Estado em relação à atenção básica, dificuldades na referência e contra-referência, e risco de uso político.

Irmã Monique ressaltou que é fundamental lutar pelo reconhecimento da especialidade de Médico da Família. “Esses profissionais devem ter mais crédito e serem mais reconhecidos para elevar sua auto-estima; devemos lutar por sua profissionalização e proporcionar-lhes mais capacitação”.

Áreas carentes
O Programa de Saúde do município de São Paulo, “o maior do Brasil, tem sido extremamente bem aceito nas regiões onde estão implantados”, enfatizou Karina Batista, que representou o secretário de Saúde municipal, Eduardo Jorge. Em menos de dois anos foram implantadas 675 equipes, além das que atuam por meio do Qualis, programa da Secretaria de Estado da Saúde. “Tentamos privilegiar as áreas mais carentes em termos de serviços de saúde”, ressaltou, destacando como um dos pontos importantes do programa os cursos de especialização dos profissionais, realizados por meio de parcerias com escolas e instituições médicas.

Para Rosecler Lorenzo, o PSF “tem um grande potencial e traz à tona questões que precisavam ser discutidas, como a necessidade de uma graduação diferente e de se consolidar o SUS”. Observou que a implantação do PSF no Estado de São Paulo “não é uma tarefa fácil, pois há um serviço de saúde mais consolidado e, mesmo assim, tem um contingente enorme de pessoas não assistidas; como ser eqüânime dentro dessa realidade?”. Apesar disso, enfatizou, “o PSF vem crescendo numa curva ascendente”.

Paidéia
Em Campinas, existe o Paidéia, um projeto de atenção básica à saúde que engloba e vai além do Programa de Saúde da Família, explicou Gastão de Souza Campos. Uma das diretrizes, afirmou, é trabalhar com o conceito de equipe ampliada: além de três médicos generalistas, a equipe tem também um pediatra, um ginecologista e um dentista. Procura também “incorporar o passado, ou seja, usar os prédios e equipamentos já existentes, como é o caso dos Centros de Saúde, reorganizados para sediar as equipes do Paidéia, com leitos de retaguarda e infra-estrutura para a saúde bucal”. Além disso, existem núcleos de saúde mental que trabalham com as equipes de atenção básica. Afirmou que os investimentos nessa área têm sido assumidos em sua maior parte (68%) pelos municípios, 30% pelo governo federal e apenas 2% pelo governo estadual.

A presidente do Cremesp, Regina Parizi, que coordenou a mesa do debate, chamou a atenção para os problemas da referência, que é a crítica mais ouvida por parte dos profissionais e dos pacientes do PSF, e o risco de uso político desses programas. Regina finalizou o debate afirmando que o Programa Saúde da Família já enfrentou muitas críticas mas tem se consolidado, inclusive incorporando mudanças.


Bolsistas apresentam resultados parciais de pesquisas em Ética Médica

Foram apresentados, no dia 22 de novembro, na Delegacia Metropolitana do Cremesp da Vila Mariana, os primeiros resultados de 21 projetos de pesquisas na área de Ética Médica, elaborados por estudantes de Medicina. Os projetos foram selecionados no primeiro semestre de 2002 e contaram com a orientação de professores das respectivas faculdades.

Estiveram presentes Gabriel Oselka, coordenador do Centro de Bioética, e Reinaldo Ayer de Oliveira, conselheiro do Cremesp. “Os resultados são satisfatórios, os bolsistas estão muito entusiasmados e todas as pesquisas estão sendo conduzidas de acordo com o cronograma, sem atrasos”, ressaltou Reinaldo Ayer.

Os resultados finais dos projetos serão apresentados em 2003, no Congresso Regional da Associação Brasileira de Ensino Médico (ABEM-SP).

Este conteúdo teve 54 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2020 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 508 usuários on-line - 54
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior