PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL (pág. 2)
Renato Azevedo Júnior - Presidente do Cremesp


ENTREVISTA (pág. 3)
Beatriz Rodrigues Abreu da Costa, presidente da ANMR


MELHORES MÉDICOS (pág.4)
Premiações ferem o Código de Ética


SAÚDE SUPLEMENTAR (pág.5)
Entidades médicas propõem melhorias para o cooperativismo


ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL (pág.6)
AMB apresenta diretrizes para revalidação de título de especialista


EXAME DO CREMESP (pág.7)
Entidades manifestam apoio à obrigatoriedade


EXAME DO CREMESP (pág.8)
Escolas médicas aprovam decisão


EXAME DO CREMESP (pág.9)
Prova manterá nível de dificuldade das versões anteriores


HONORÁRIOS MÉDICOS (pág.10)
Médicos paralisam atendimento aos planos de saúde em 6 de setembro


AGENDA DA PRESIDÊNCIA (pág.11)
Toma posse nova diretoria do Sindimed


COLUNA CFM (pág.12)
Artigos dos representantes do Estado de São Paulo no Conselho Federal de Medicina


PEMC (pág.13)
Atualização profissional promovida pelo Cremesp na capital e no interior


BIOÉTICA (pág.15)
A judicialização da saúde no banco dos réus


HOSPITAIS FILANTRÓPICOS (pág.16)
Santas Casas pedem socorro


GALERIA DE FOTOS



Edição 295 - 08/2012

AGENDA DA PRESIDÊNCIA (pág.11)

Toma posse nova diretoria do Sindimed



Sílvia Helena (4ª à esquerda), ao lado do presidente eleito do Sindimed

A nova diretoria do Sindicato dos Médicos de Campinas e Região (Sindimed) – gestão 2012/2015 – tomou posse em solenidade realizada no dia 3 de agosto, em sua sede. Além de médicos sindicalizados, deputados e vereadores de Campinas e região, o evento contou com a presença de Renato Azevedo, presidente do Cremesp, e de representantes de outras entidades médicas, entre elas a Federação Nacional dos Médicos (Fenam), a Federação dos Médicos do Estado de São Paulo (Femesp) e a Associação Paulista de Medicina (APM).

O novo presidente do Sindimed é o médico ginecologista Casemiro dos Reis Júnior, que assume o comando de um dos sindicatos mais antigos do Brasil (quase 83 anos),  representando cerca de 13 mil profissionais de Medicina em 84 municípios da macrorregião de Campinas. “Contamos também com o apoio de uma base regional em Piracicaba e estamos inaugurando outra em Jundiaí, com o objetivo de nos aproximarmos cada vez mais da categoria”, declarou em seu discurso de posse. Ele também é diretor de saúde suplementar da Fenam e presidente da Femesp.

Integrando a nova diretoria, também tomou posse como vice-presidente a diretora 1ª tesoureira do Cremesp, Silvia Helena Rondina Mateus, prestigiada pelos colegas conselheiros Renato Françoso e Krikor Boyaciyan.


Além das atividades internas do Conselho, Renato Azevedo, como presidente do Cremesp, também participou de:

- Reunião de presidentes do CRM, no dia 10/07, no CFM;
-Reunião com Márcio Fernando Elias Rosa, procurador-geral da Justiça, no Ministério Público do Estado de São Paulo, no dia 12/07;
- Reunião com Beatriz Rodrigues, presidente da ANMR, no dia 17/07;
- Reunião da Federação das Entidades Médicas do Estado de SP, no dia 17/07;
- Reunião com Ricardo Geraldo Rezende Silveira, presidente da Associação dos Juízes Federais de São Paulo e Minas Gerais (Ajufesp), no dia 23/07;
- Entrevista coletiva sobre o Exame do Cremesp, no dia 24/07;
- Fórum de Cooperativismo Médico, na sede da APM, no dia 27/07;
- Reunião com o secretário adjunto da Saúde do Município de São Paulo, José Maria da Costa Orlando, no dia 27/07;
- Participação em sessão plenária do CRM-MG, para discussão sobre o “exame de ordem”, no dia 10/08.


Dermatoses

Encontro de Psoríase e Vitiligo  comemora 10 anos na Câmara Municipal


Mansur: o bem-estar do paciente deve ser garantido 

O Grande Encontro de Psoríase e Vitiligo – integrado pelo 10º Encontro Municipal de Psoríase, 8º Encontro Nacional de Psoríase e 5º Encontro de Vitiligo – comemorou uma década de sua realização em evento organizado pelo médico, vereador e vice-presidente da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de São Paulo, Gilberto Natalini. O encontro aconteceu na Câmara Municipal de São Paulo, no dia 4 de agosto, tendo como público-alvo os pacientes que sofrem com as doenças, familiares e profissionais da saúde.

“Nosso objetivo é disseminar cada vez mais as informações corretas sobre essas doenças, levando ao tratamento adequado, evitando as comorbidades e garantindo o bem-estar do paciente, para que ele tenha uma vida normal”, comentou o dermatologista e diretor do Centro Brasileiro de Estudo em Psoríase (CBEP), Cid Yazigi Sabbag.

Além de Natalini e da participação especial de Gladys Leon, pesquisadora do Serviço de Dermatologia do Hospital Geral do México, a mesa foi composta pelo conselheiro do Cremesp, Nacime Mansur, Cid Sabbag, Leontina Margarido, presidente do Departamento de Dermatologia da Associação Paulista de Medicina (APM) e Valéria Petri, professora titular do Departamento de Dermatologia da Unifesp, entre outros.


Medicamentos

Conselho critica liberação  da venda em prateleiras


Farmácias voltam a vender medicamentos fora do balcão 

Cerca de 2,3 mil produtos isentos de prescrição médica, como analgésicos e anti-térmicos, voltaram a ser expostos nas prateleiras das farmácias e drogarias brasileiras, desde o final de julho, conforme anunciou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), por meio de alteração na Resolução 44, de 2009.

As farmácias deverão expor na área destinada aos medicamentos cartazes com a orientação: “medicamentos podem causar efeitos indesejados. Evite a automedicação: informe-se com o farmacêutico”. É necessário também que os remédios de mesmo princípio ativo sejam expostos próximos um ao outro, para facilitar a identificação dos produtos pelo usuário.

Segundo a Anvisa, para aferir o impacto da medida junto ao consumidor, foram realizadas consultas públicas e estudos, e a conclusão foi que a resolução não atingiu o objetivo de reduzir o número de intoxicações por esses tipos de medicamentos no país.

Na avaliação do conselheiro Luiz Alberto Bacheschi, essa é uma decisão errônea, que irá estimular a automedicação. “Isso é um chamariz para que a pessoa se sinta tentada a comprar o remédio como se estivesse num supermercado, sem ter noção dos efeitos colaterais que isso pode causar. Quando a Anvisa retirou os medicamentos das prateleiras, aplaudimos a decisão. Agora a criticamos porque ela visa somente a atender aos interesses da indústria farmacêutica e das farmácias para aumentar as vendas”.

 



Este conteúdo teve 84 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2020 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 295 usuários on-line - 84
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior