PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL (pág.2)
Renato Azevedo Júnior - Presidente do Cremesp


ENTREVISTA (pág.3)
Thomas Maack


ATOS PÚBLICOS (pág.4)
Médicos realizam manifestações no centro da capital paulista


MAIS MÉDICOS (pág.5)
Relação de trabalho dos médicos cubanos é questionada pelo MP


ENEM EXTRAORDINÁRIO (pág.6)
Encontro discute medidas do governo


ATO MÉDICO (pág.7)
Vetos de Dilma Rousseff à Lei 12.842/2013


ELEIÇÃO CREMESP (pág.8)
Processo eleitoral dá vitória à Unidade Médica


ELEIÇÃO CREMESP (pág.10)
Valorização profissional na saúde pública e privada


AGENDA DA PRESIDÊNCIA (pág.11)
IV Congresso de Acadêmicos


COLUNA DOS CONSELHEIROS DO CFM (pág.12)
Artigos dos representantes de SP no Federal


PEMC (pág.13)
Reuniões podem ser acompanhadas por videoconferência


BIOÉTICA (pág.15)
Ministério da Saúde & Transexualismo


EXAME DO CREMESP (pág.16)
Inscrições para a nova edição abrem em setembro


GALERIA DE FOTOS



Edição 306 - 08/2013

ELEIÇÃO CREMESP (pág.8)

Processo eleitoral dá vitória à Unidade Médica


Chapa 1 vence pleito para gestão 2013/2018

Mais de 68 mil médicos cadastrados no Estado de São Paulo exerceram o direito de voto no processo eleitoral


Abertura dos envelopes com as cédulas eleitorais, na presença da Comissão Eleitoral e representantes das chapas
 

A Chapa 1 – Unidade Médica venceu a eleição para a gestão 2013-2018 do Cremesp por 52,1% dos votos válidos obtidos pelas duas concorrentes.

No cômputo geral (incluindo brancos e nulos), houve um total de 68.439 votos – que representam os médicos que exerceram o direito de votar (apuradas as papeletas de identificação válidas). A Chapa 1 – Unidade Médica contou com 33.867, representando 49,55% dos votos válidos e a Chapa 2 – Oposição Unida, com 31.112, ou 45,52%. Foram computados 1.689 votos nulos – sendo 69 rejeitados pela leitora e contados manualmente –, com­­pletando 1.758. Os votos em branco somaram 1.675 escolhas.

A eleição contou com 68.412 votantes (veja distribuição dos votos em todo o Estado no mapa da pág. 9), sendo que foram encontrados 93 envelopes vazios (sem cédulas). O Cremesp enviou cédulas de votação a 112.083 médicos com cadastro ativo, tendo votado 61% dessa base. O eleitor que tinha algum impedimento legal junto ao Cre­mesp, ou não tinha seu nome incluído na folha de votação, teve seu voto invalidado.

O processo eleitoral foi conduzido, desde o início, por uma Comissão Eleitoral – composta pelos médicos Gabriel Wolf Oselka (presidente), Al­demir Hum­berto Soares e Raimundo Raffaelli Filho (secretários) –, nos termos do artigo 39 da Resolução CFM nº 1.993/2012, que designou a Junta Escru­tinadora de Votos, composta por Antonio Carlos Madeira de Arruda (presidente), pelo funcionário do Cremesp, Silmar Viz­caino (secretário) e demais escruti­na­dores (designados conforme Portaria Cremesp nº 006/2013), sendo todos funcionários do Cremesp.

As chapas fizeram suas campanhas no período de junho a agosto deste ano, sendo reservada a cada uma delas o direito a uma página no Jornal do Cremesp (edição nº 304 - Junho de 2013), para explanar sua proposta eleitoral, replicada no portal do Conselho. Também tiveram direito a dois emails mar­keting, enviados a toda a base de médicos inscritos em São Paulo, encaminhados pelo Cremesp.

A eleição foi realizada exclusivamente por correspondência – nos termos do inciso II do Artigo 12 do mencionado ato resolutório – para todos os médicos de São Paulo. O material para votação, incluindo cédula de voto e instruções, havia sido enviado aos médicos em 16 de julho e tinham como prazo máximo para recebimento o dia 7 de agosto.


 



Apuração em tempo real


Após abertura dos envelopes, processo de apuraçãofoi realizado por sistema de leitura ótica
 

Os votos dos médicos, recebidos pelo Correio, foram abertos nos dias 5, 6 e 7 de agosto. Cada chapa concorrente designou fiscais para acompanhar os trabalhos de apuração. O processo foi divulgado em tempo real – no site do Cremesp – por sistema de leitura ótica, e conduzido pela Comissão Eleitoral, com o auxílio dos funcionários do Cre­mesp. Para a validação dos votos, foi conferida a chancela dos Correios, bem como os dados ca­dastrais do médico por meio do código de barras, que constava na papeleta de identificação. Após essa verificação, foi separado o envelope menor, contendo a cédula eleitoral, para a apuração final, que aconteceu na noite do dia 7, na presença das chapas.

Verificado o resultado, foram vencedores do pleito os membros da Chapa 1 – Unidade Médica, sendo declarados, pelo presidente da Comissão Elei­toral, eleitos como membros efetivos e suplentes do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo no ano de 2013, para o mandato de 01/10/2013 a 30/09/2018. A posse oficial da nova diretoria será no dia 1º de outubro e a posse solene, prevista para  11 de outubro.
 



Unidade Médica obteve a liderança em 22 regiões do Estado de SP

 

 

 

 

 


Este conteúdo teve 104 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2020 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 218 usuários on-line - 104
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior