PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL
A partir de 02/10, o Cremesp dá início ao recadastramento dos médicos paulistas


ENTREVISTA
Entrevista: Simônides Bacelar fala sobre seu Projeto Linguagem Médica Melhor


ATIVIDADES DO CREMESP 1
Dia do médico: festividades já estão agendadas para dia 18/10


ATIVIDADES DO CREMESP 2
Exame do Cremesp: sextanistas de Medicina podem inscrever-se até 06/10


SAÚDE MENTAL
Em debate, a implantação do novo modelo assistencial em saúde mental


ATIVIDADES DO CREMESP 3
Recadastramento de médcos paulistas: será realizado entre 02/10/2006 e 31/03/2007


ÉTICA MÉDICA
Proibida a vinculação de médicos a cartões de descontos


ATUALIZAÇÃO
Aprovada vacina contra quatro tipos do HPV, os mais relacionados ao câncer de colo de útero


GERAL
Veja como foi o II Encontro Nacional dos Conselhos de Medicina em Manaus


HISTÓRIA
Beneficência Portuguesa: um megacomplexo de excelência em assistência hospitalar


AGENDA
Acompanhe a participação do Conselho em eventos relevantes para a classe


TOME NOTA
O Alerta Ético desta edição mostra a importância de responder às denúncias


NOTAS
Propaganda sem bebida: encontro em Santos inicia segunda etapa da campanha


GALERIA DE FOTOS



Edição 229 - 09/2006

EDITORIAL

A partir de 02/10, o Cremesp dá início ao recadastramento dos médicos paulistas



Recadastramento dos médicos
e avaliação do ensino
Novo cadastro é medida de segurança e de utilidade pública

Desiré Carlos Callegari*

O mês de outubro, em que é comemorado o Dia do Médico, será um período de intensa atividade para o Cremesp, quando daremos início ao recadastramento de todos os médicos do Estado de São Paulo e quando iremos realizar pela segunda vez a avaliação dos estudantes do sexto ano e recém-formados em medicina.

O recadastramento será uma iniciativa inédita e de grande porte, que exigirá do Cremesp empenho e mobilização de recursos humanos e materiais.  A atualização dos dados pessoais e cadastrais dos profissionais é imprescindível para o exercício das atividades do Conselho, de normatização, fiscalização, comunicação e defesa profissional dirigida à classe médica.

Mas o mais importante é que esta é também uma medida de segurança e de utilidade pública. Recentemente registramos crescimento assustador da atuação de falsos médicos em São Paulo, criminosos que utilizam nomes e dados pessoais de profissionais devidamente habilitados, maculando a imagem destes médicos e colocando em risco a saúde e a vida da população.

Ao solicitar a colaboração de todos os colegas, ressaltamos que o novo cadastramento será acompanhado do pedido de autorização para divulgação da fotografia do médico no site do Cremesp. Isso já é realizado  por outros Conselhos Profissionais, a exemplo da OAB, e visa facilitar a verificação da identidade do profissional por parte da população e dos empregadores. Além disso, daremos início à substituição da atual Carteira de Identidade do Médico, por um modelo mais seguro, que dificultará sua falsificação.

Quanto ao exame de avaliação dos estudantes de sexto ano iremos repetir a iniciativa bem sucedida do ano anterior, mas desta vez com a realização da primeira etapa em todas as cidades que contam com cursos de Medicina.

Não temos deixado de enfatizar o caráter opcional  e experimental do exame, que vem somar-se a outras iniciativas que visam o diagnóstico e a melhoria do ensino médico. O Cremesp está convencido da relevância do exame. Não por acaso, teve a aprovação da maioria dos médicos (84%), dos formadores de opinião (100%) e da população (94%), conforme pesquisa do Datafolha. Ao lado da nossa luta contra a abertura de novas escolas, daremos continuidade à  avaliação anual dos cursos já existentes, pois há necessidade da consolidação de uma série histórica de exames, no sentido de apontar as principais deficiências e as mudanças necessárias para melhorar a formação dos médicos no Estado.

Destacamos outra medida que tem tido boa repercussão: a Resolução nº 151/2006 do Cremesp, que considera infração ética a vinculação de médicos aos chamados “cartões de desconto” comercializados por funerárias e outras empresas. Com isso, regulamentamos Resolução semelhante do Conselho Federal de Medicina, que também condenou a manutenção, por estas empresas, de rede conveniada de médicos visando  a concessão de descontos em consultas. Esses cartões de descontos, ao ferirem o bom senso e ao afrontarem o Código de Ética Médica e o Código de Defesa do Consumidor, precisam, na verdade, ser banidos a partir de iniciativas dos legisladores estaduais e federais.

Apresentamos recentemente às autoridades relatório final de análise dos laudos necroscópicos referentes ao período de 12 a 20 de maio de 2006, dias em que São Paulo assistiu a forte onda de violência. O material complementou as análises feitas anteriormente pelo Cremesp e foram resultado de intensa dedicação do nosso  Departamento de Fiscalização e dos integrantes da Câmara Técnica de Medicina Legal do Cremesp. Ao encerrar sua participação neste episódio, o Conselho está certo de que auxiliou os órgãos públicos que demandaram nossa ação, ao mesmo tempo em que garantiu a confiabilidade da prova técnica para pronunciamento da Justiça, garantiu a independência e a lisura dos médicos legistas no exercício do cargo oficial, assim como o sigilo e a guarda do prontuário de cada vítima.

Por fim, não podemos deixar de mencionar a nova etapa da campanha Propaganda Sem Bebida, que lançamos  em Santos, no dia 6 de setembro, quando se juntaram dezenas de entidades da sociedade civil em defesa da aprovação de uma lei que proíba ou limite a propaganda de todas as bebidas alcoólicas nos meios de comunicação e em eventos esportivos, culturais e sociais, semelhante à legislação atual que restringe as propagandas de cigarro. Este é, sem dúvida, um exemplo do compromisso social do Cremesp com questões que dizem respeito à saúde e à vida das pessoas.


Desiré Carlos Callegari é
presidente do Cremesp


Este conteúdo teve 533 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h

CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2020 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 159 usuários on-line - 533
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior