PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL
Desiré Callegari: balanço de sua gestão demonstra dedicação e competência (JC impresso pág. 2)


HOMENAGEM
Arlindo Chinaglia é homenageado pela aprovação da CBHPM (JC impresso pág. 3)


ATIVIDADES DO CREMESP 1
Programa de Educação Continuada: grande sucesso, na capital e no interior (JC impresso pág. 4)


ATIVIDADES DO CREMESP 2
Avaliação e qualidade de ensino: em discussão as escolas médicas do país (JC impresso pág. 5)


ATIVIDADES DO CREMESP 3
Codame: palestras sobre publicidade médica têm público recorde (JC impresso pág. 6)


ATIVIDADES DO CREMESP 4
Novidades nas delegacias do interior e na sub-sede da Vila Mariana (JC impresso pág. 7)


ATIVIDADES DO CREMESP 5
Oficializada a criação da Federação das Entidades Médicas do Estado (JC impresso pág. 8)


ATIVIDADES DO CREMESP 6
CRM e INSS: parceria beneficia médicos e sociedade (JC impresso pág. 9)


ESPECIAL
Nada mudou após nove anos da Lei dos Planos de Saúde?!? (JC impresso págs. 10 e 11)


BALANÇO 1
Dinamismo e conquistas marcaram a gestão de Desiré Callegari (JC impresso pág. 12)


BALANÇO 2
CBHPM ou Rol de Procedimentos: agora só depende do Senado... (JC impresso pág. 13)


BALANÇO 3
Encontros das entidades médicas: ações focam objetivos comuns em benefício da classe (JC impresso pág. 14)


BALANÇO 4
Fóruns regulamentadores e programas Alerta Médico via web foram destaques (JC impresso pág. 15)


BALANÇO 5
Simpósios, congressos, lançamentos de publicações: foram muitos os eventos nos últimos 15 meses (JC impresso pág. 16)


BALANÇO 6
Jornal, revista, portais: comunicação espelha intensa atividade do Conselho (JC impresso pág. 17)


ALERTA ÉTICO
Alerta Ético: esclareça suas dúvidas sobre Aids e Sigilo (JC impresso pág. 18)


GERAL
Iamspe: negociações podem resultar na recuperação dos cargos desonerados (JC impresso pág. 19)


GALERIA DE FOTOS



Edição 238 - 06/2007

EDITORIAL

Desiré Callegari: balanço de sua gestão demonstra dedicação e competência (JC impresso pág. 2)


Trabalho gratificante

Com o apoio de toda diretoria, do corpo de conselheiros, delegados e funcionários do Cremesp, transmito o comando dessa entidade com a certeza do dever cumprido

Desde o início de julho uma nova Diretoria está à frente do Cremesp. Pela quarta vez houve o revezamento de cargos e tarefas entre conselheiros da mesma gestão, que compreende o período de 2003 a 2008. Ao cumprimentar o novo presidente, o colega Henrique Carlos Gonçalves, afirmo que foi muito gratificante a oportunidade de ter ocupado a presidência do Cremesp e agradeço imensamente a dedicação, nestes últimos 15 meses, de toda a Diretoria, do corpo de conselheiros, delegados e funcionários do Cremesp.

Queremos destacar e compartilhar com os médicos algumas conquistas recentes. É o caso da aprovação na Câmara dos Deputados, no dia 31 de maio, do Projeto de Lei 3466, que referencia a CBHPM para a definição de honorários entre os médicos e planos de saúde. O projeto ainda depende da tramitação no Senado, mas sua aprovação na Câmara foi, sem dúvida, uma conquista histórica de nossas entidades, que há tanto tempo exigem remuneração justa e melhoria do atendimento aos pacientes.

Para fazer avançar ainda mais nossas lutas foi que formalizamos um importante espaço de articulação e posicionamento do movimento médico paulista, com a criação, no dia 26 de junho, da Federação das Entidades Médicas do Estado de São Paulo (Fenmesp), que reúne Cremesp, APM, Simesp e Academia de Medicina de São Paulo.

Nossas parcerias se estendem a outras entidades, como a que mantemos com o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), que possibilitou a divulgação recente de estudo sobre os nove anos da lei dos planos de saúde. Ao fazer um balanço crítico da atuação da ANS e do comportamento do mercado de saúde suplementar, também apresentamos propostas para a superação de problemas, como as interferências dos planos no trabalho dos médicos, as exclusões de coberturas impostas aos usuários e a utilização de recursos públicos pelos planos de saúde privados.

Foi também em conjunto com entidades de defesa dos direitos humanos que realizamos o ato público Tragédia de Maio: um ano depois, que avaliou as medidas tomadas após a onda de violência no Estado que resultou em 493 mortes por armas de fogo ocorridas em 2006.

Outro avanço é o acordo firmado pelo Cremesp com o INSS, que prevê a atuação conjunta para o combate a fraudes nas perícias médicas, criação de comissões de ética médica, capacitação profissional e melhoria das condições de trabalho e segurança dos médicos peritos.

Motivo de especial alegria foi o lançamento do Código de Ética dos Estudantes de Medicina. Elaborado pelos próprios alunos, com o apoio do Cremesp, o Código traz recomendações para que, desde a sua graduação, o futuro médico se comprometa com a ética no exercício profissional.

Para marcar o cinqüentenário do Cremesp, em outubro de 2006, em solenidade no Teatro Municipal de São Paulo, homenageamos os médicos paulistanos com mais de 50 anos no exercício da Medicina. A solenidade teve continuidade em todo o Estado e já concedeu a 700 colegas o Diploma de Dedicação Profissional, pelos relevantes serviços prestados ao povo paulista durante tantos anos de trabalho marcados por princípios éticos.

Todas essas ações vieram somar-se a outras iniciativas que igualmente marcaram os últimos 15 meses. Discutimos com a sociedade e com a classe médica a questão da terminalidade da vida, que culminou em resolução do CFM que aborda a suspensão de procedimentos e tratamentos,visando a dignidade do paciente.

Adotamos medidas para coibir a atuação de falsos médicos, como a normatização da contratação de profissionais pelos estabelecimentos de saúde; o recadastramento de todos os médicos; e em breve iremos disponibilizar as fotografias autorizadas no site do Cremesp e a substituição da atual Carteira do Médico.

Lançamos publicações inéditas: sobre as ações judiciais contra médicos;  sobre as condições de funcionamento dos serviços de saúde vinculados ao ensino médico; sobre ética na psiquiatria; sobre os direitos da população  aos medicamentos.

Reforçamos o programa de educação continuada gratuito voltado para médicos de todas as especialidades; os fóruns de discussão sobre propagandas médicas irregulares; e, pela terceira vez, iremos promover  o Exame do Cremesp, de avaliação  dos estudantes do sexto ano de Medicina.

Sedes de delegacias do Cremesp foram adquiridas, ampliadas e reformadas, e investimos em recursos humanos para melhorar cada vez mais o atendimento e os serviços prestados aos médicos e à população.

Tudo isso demonstra o compromisso e a seriedade de atuação do Cremesp, que, temos convicção, continuarão sendo as marcas desta gestão e da nova Diretoria.


Desiré Carlos Callegari
Presidente do Cremesp

   


Este conteúdo teve 342 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2020 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 166 usuários on-line - 342
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior